Entrevista exclusiva com Cícero Galli Coimbra, neurologista, pesquisador e professor da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo). O médico aponta a correção da deficiência de vitamina D como medida fundamental para deter epidemia de microcefalia provocada pelo Zika vírus.

A vitamina D é crucial para nossa saúde. Um estudo recente divulgado pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, feito por cientistas que avaliam o genoma humano, revelou que nosso corpo tem 229 genes influenciados por ela. Isso significa que vários órgãos podem ser beneficiados, e sua ação vai muito além da proteção dos ossos. Segundo a médica Sueli Lourenço, formada pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), a vitamina D é, na realidade, um pré-hormônio e não apenas uma vitamina.

Integrante do Instituto de Investigação e Tratamento da Autoimunidade, grupo que atua no tratamento de doenças autoimunitárias utilizando altas doses de vitamina D, Sueli alerta para uma pandemia de deficiência de vitamina D que estaria em curso por estarmos nos distanciando de um dos maiores aliados da nossa saúde: o sol.

Fonte: http://www.onehealthmag.com.br/index.php/saude-ensolarada/

Anúncios